Read O Prenúncio das Águas by Rosa Lobato de Faria Online

o-prenncio-das-guas

Tendo como pano de fundo uma aldeia condenada a ficar submersa pelas águas de uma futura barragem, cinco narradores falam de si, do passado, do presente e do futuro, inundado de ausência...

Title : O Prenúncio das Águas
Author :
Rating :
ISBN : 9789724121413
Format Type : Hardcover
Number of Pages : 220 Pages
Status : Available For Download
Last checked : 21 Minutes ago!

O Prenúncio das Águas Reviews

  • Lucy Qhuay
    2019-06-16 22:41

    Para dizer a verdade, não estava nada à espera de apreciar este livro tanto como apreciei."O Prenúncio das Águas" conta a história de Rio dos Anjos, uma pequena aldeia alentejana condenada a ficar submersa pelas águas de uma barragem.Através do testemunho de cada um dos cinco narradores, vai-se construindo um panorama de amor, ciúme, traição e vingança, à medida que a aldeia caminha para um fim inevitável.Aqui encontramos um vasto leque de personagens que por um lado traduzem um pouco daquilo que podemos encontrar num meio tão pequeno, como a idosa supersticiosa e cheia de histórias para contar, a emigrante retornada à pátria, o médico vindo da cidade grande, o típico homem adúltero, a mulher traída, a criança negligenciada e por aí fora.Por outro lado, todas estas personagens são maravilhosamente disfuncionais à sua maneira e, de certo modo, conseguimos identificarmo-nos melhor com elas por essa mesma razão. Tudo o que fazem ou dizem é resultado dos vícios e paixões tão conhecidos à espécie humana.Uma leitura bastante agradável e acessível.

  • Leonardo Aboim Pires
    2019-06-13 18:41

    Esta obra trata-se de um fresco painel sobre o quotidiano de uma pacata aldeia alentejana, ameaçada pela construção de uma barragem, condenando-a à destruição. Escrito numa prosa lírica (em minha opinião, apenas comparável a Vergílio Ferreira), este romance é caracterizado pela leveza e simplicidade da acção mas, simultaneamente, encontra-se povoado por personagens de um carácter muito forte e vincado como é o caso de Sebastiana, Zé Nunes ou das irmãs Matias Branco. Foi com este livro que descobri o fantástico mundo ficcional de Rosa Lobato de Faria, aconselhando a leitura deste e outros romances desta grande senhora das letras portuguesas, dotada de uma imaginação luminosa e envolvente, que decerto agradará aos mais exigente dos leitores.

  • Nuno Chaves
    2019-06-04 21:25

    Foi com este livro que descobri Rosa Lobato Faria como escritora, acho que é precisamente por este livro que quem quer descobrir mais sobre esta autora deve começar.RLF que conhecia apenas das inumeras participaçoes em progranas, séries e novelas da televisao, assim como autora de letras de algumas canções que concorreram ao Festival da Cançao. Fiquei surpreendido, com tamanha criatividade, loucura e imaginaçao. a imagem que se tem de RLF antes de O Prenúncio das Águas é uma… depois do Prenúncio altera-se radicalmente. ninguém está à espera. continua para mim a ser o melhor livro de Rosa Lobato de Faria (até ao momento)

  • Inês
    2019-05-22 17:47

    A escrita de Rosa Lobato Faria deixa sempre um calor no peito, um sorriso inconsciente no rosto e uma lágrima no olho esquerdo.

  • Betita
    2019-06-06 23:25

    A minha opinião:Simplesmente lindo!Já me tinha aconselhado esta autora, mas não sei porquê sempre tive alguma renitências em relação a ela... Fiz mal!Tem uma escrita melodiosa que nos envolve da primeira à ultima linha.No desenrolar da história e nos relatos de vida dos vários personagens descobrimos lendas, costumes do Alentejo, as suas vivencias e apercebemo-nos também dos sentimentos de toda a população em relação ao facto de deixarem a aldeia Rio do Anjo para esta ficar submersa pelas águas da barragem.Foi um história que me cativou desde inicio talvez porque eu própria fui à verdadeira "Rio do Anjo" (Aldeia da Luz) e pude sentir o estado de espirito da população... e até mesmo dos visitantes como eu.Ao olhar a Igreja, o Pelourinho e a pequena fonte que havia no centro da Praça Principal, os bancos do Jardim... como era possivél que tudo aquilo fosse ficar debaixo de água!Enfim... Voltando ao livro, gostei mesmo muito e a Autora é mais uma a acrescentar à lista.

  • Rita Reis
    2019-06-02 17:30

    Gostei muito! Um estilo diferente! Uma história que surpreende em cada novo capítulo que se lê. Um cenário que não é vulgar e que nos faz ver que não deve ser realmente fácil ser transladado para uma aldeia nova, construída de origem, enquanto aquela onde se viveu toda a vida é "afogada", junto com muitas lembranças.

  • Ricardo Ribeiro
    2019-05-28 21:49

    Segundo livro desta autora que leio... segunda experiência muito positiva. E sempre a memória sem causa daquele dia, há muitos anos, a voz que anunciava pelso altifalantes: "No pavilhão XX [a memória não chega a tanto], Rosa Lobato Faria (...)". Eram os dias de ouro da Feira do Livro de Lisboa.

  • Eloisa Louceiro
    2019-06-01 17:41

    Ainda está por ler, este meu querido exemplar autografado.

  • Diana
    2019-06-10 20:48

    delicioso de ler :)